Um primo meu fez aniversário esses dias, e, apesar de não ter contato com ele há anos, lembrei-me da data e resolvi dar parabéns via Facebook.

Então, descobri que este primo me excluiu da sua lista de amigos.

Não precisei de muito esforço para descobrir o motivo. Quer dizer, não descobri de fato, mas é muito provável que ele tenha pautado sua decisão no fato de que possuímos crenças religiosas diferentes.

Mas creio que essa seja a sabedoria divina operando, manja? Ceifando das vidas dos justos, como ele, todos os ímpios pecadores e blasfemadores, tipo eu.

E assim, nós dois seguimos nossas vidas com alegria. Ele, com seus estudos, sua boa índole e com seu Deus; eu, com meus deuses e deusas, meus questionamentos e com o capiroto.

k

Anúncios