Deus segundo Espinoza:
“O que eu quero que faças é que saias pelo mundo e desfrutes tua vida.
Eu quero que gozes, cantes, te divirtas e que desfrutes de tudo o que Eu fiz para ti.
Eu nunca te disse que há algo mau em ti ou que eras um pecador, ou que tua sexualidade fosse algo mau.
Para de me pedir perdão. Não há nada a perdoar. Se Eu te fiz… Eu te enchi de paixões, de limitações, de prazeres, de sentimentos,de necessidades, de incoerências, de livre-arbítrio. Como posso te culpar se respondes a algo que eu pus em ti?
Esquece qualquer tipo de mandamento, qualquer tipo de lei; essas são artimanhas para te manipular, para te controlar, que só geram culpa em ti.
Esta vida é o único que há aqui e agora, e o único que precisas.
Eu te fiz absolutamente livre. Não há prêmios nem castigos. Não há pecados nem virtudes. Ninguém leva um placar. Ninguém leva um registro.
Tu és absolutamente livre para fazer da tua vida um céu ou um inferno.
Pára de complicar as coisas e de repetir como papagaio o que te ensinaram sobre mim.
Não me procures fora! Não me acharás. Procura-me dentro… aí é que estou, batendo, dentro de ti.”
Baruch Espinoza (1632-1677)

Lex Satanicus:
“Assim de fato, nós somos inimigos de toda degeneração efetuada por qualquer sistema escravocrata, qualquer seja a máscara com que se manifeste e acima de tudo a imagem de Shin Tau Nun destrói por definitivo qualquer sentimento de culpa que todos os sistemas e religiões, através dos tempos, lançaram em cima das pessoas para enfraquecê-las e escravizá-las. Em outras palavras não advogamos a passividade a adoração a qualquer ente externo, mas sim a possibilidade da auto-deificação. O homem deixa de ser um animal pastando no jardim do Paraíso para assumir a responsabilidade pela própria vida, sem que outros a assumam no seu lugar.”
Morbitvs Vividvs

 

Você estuda, estuda e estuda… e descobre que existe muito mais do que os dois extremos.

Você descobre entre esses extremos o imenso universo do caminho do meio, o que não tem fim. Onde tudo está ligado, e onde são encontradas as verdades.

k

Anúncios