Estava um dia com meu amorzinho. Quando ele percebeu que as minhas tiradas estavam mais ácidas que o costume, reclamou algo sobre o meu humor. Eu disse que está péssimo mesmo, estou me sentindo um lixo já há algum tempo.

Depois de um belo tapa dado por mim em sua nuca, seguido por expressão de surpresa e indignação dele, eu disse que estou com Síndrome de Krueger.

Um dia antes eu tinha sonhado que um cara entrou na minha casa, à noite. Só estávamos minha mãe e eu. Quando ele entrou, foi direto em cima da minha mãe, agredindo-a. Bom, aí eu não tive dúvidas: fui até a cozinha, peguei um espeto de churrasco(!) e piquei o cara.

Síndrome de Krueger. Cuidado.

k

Anúncios