Meu padrinho chama-se Cezar W. Pichelli. Seu pai, já falecido, chamava-se Santo Pichelli.

Certa vez, o irmão de Cezar W. Pichelli, chamado Sérgio, resolveu colocar o nome do pai na missa. Ele chegou antes de começar e sentou-se no fundo da igreja.

O coroinha pegou o papel e leu:

– Hoje a missa será para São Pedro, Santo Antônio e Santo Pichelli…

– Não conheço esse santo – interrompeu o padre, sem graça.

O menino deu de ombros. Então, continuou:

– Falecidos: José da Silva…

O irmão do meu padrinho riu baixinho. Tinham colocado o nome do seu pai em primeiro lugar na lista de falecidos, mas o coroinha confundiu tudo na hora que leu. Hehehehehehehehe.

k

Anúncios